05.01.11

As boas fases dos filmes e dos quadrinhos nacionais

Dá o que pensar uma das reportagens dessa quarta-feira (05.01) da "Folha de S.Paulo". O jornal trouxe uma lista dos dez filmes de maior bilheteria do ano no Brasil.

No topo da lista, "Tropa de Elite 2". Outras duas produções nacionais, "Nosso Lar e "Chico Xavier", figuravam entre os dez mais. Veja na lista:

  1. Tropa de Elite 2
  2. Avatar
  3. Shrek para Sempre
  4. Eclipse
  5. Alice no País das Maravilhas
  6. Toy Story 3
  7. Alvin e os Esquilos 2
  8. Harry Potter e as Relíquias da Morte - Parte 1
  9. Nosso Lar
  10. Chico Xavier

É difícil fazer a mesma lista para a área de quadrinhos. As editoras brasileiras não têm o hábito de divulgarem suas "bilheterias".

Mas dá para traçar um paralelo com outras relações, como as feitas por profissionais da área. A título de comparação, pinço a do blog "Gibizada", divulgada no mês passado:

  1. "Bando de dois"
  2. "Cicatrizes"
  3. "Cachalote"
  4. "Notas sobre Gaza"
  5. "MSP + 50"
  6. "Kiki de Montparnasse"
  7. "Xampu - Lovely losers"
  8. "O que aconteceu ao homem mais rápido do mundo?"
  9. "SIC"
  10. "Logicomix" / "Bordados" (empatados)

Ao todo, 21 profissionais participaram da relação. Metade dos títulos são nacionais. Inclusive o mais votado, "Bando de Dois", o nosso "Tropa de Elite" dos quadrinhos de 2010.

Se servir de comparação uma lista com a outra, é algo para se pensar.

Um dos argumentos contrários a leis de reserva de mercado para a produção nacional é que editoras e jornais iriam ocupar a quota sem uma necessária preocupação com a qualidade.

Pois bem, parte da produção nacional dos quadrinhos já trabalha com essa qualidade.

Qual o próximo passo?

Escrito por PAULO RAMOS às 00h38
[comente] [ link ]

02.01.11

Uma charge do dia que merece registro

 

Charge de Cláudio de Oliveira para o Agora São Paulo

 

De Cláudio de Oliveira, na edição deste domingo do "Agora São Paulo".

Escrito por PAULO RAMOS às 12h01
[comente] [ link ]

[ ver mensagens anteriores ]